Como saber se você é um bom corretor de imóveis?

Publicado em Geral Tags: , , , ,

03A10970O que é ser um bom corretor? Será que é vender muitos imóveis, ou quem sabe ter uma ampla carteira de clientes? Será que é possuir um networking extenso ou trabalhar em uma superimobiliária? Nenhum desses atributos, isoladamente, é capaz de definir um bom corretor.

Na verdade, a qualidade de um corretor depende de um conjunto de características naturais e adquiridas no decorrer da carreira. Tem a ver com a vocação nata e também com a capacitação profissional decorrente de leituras, cursos e palestras. Diz respeito à maneira de atender os clientes, mas também depende da capacidade de se relacionar e formar parcerias. Enfim, não é tão simples descobrir se o corretor é bom ou não, mas usando as ferramentas e estratégias certas essa tarefa pode ser simplificada. Quer saber se você é um bom corretor? Então confira o nosso post!

Sua agenda está cheia de compromissos?

Se existem muitos dias vagos em sua agenda, sem atendimentos ou compromissos profissionais marcados, é melhor prestar atenção. Algo muito errado pode estar acontecendo. Talvez você não esteja se dedicando como deveria e, justamente por conta disso, não está alcançando bons resultados.

Isso não quer dizer que você é um mau corretor; simplesmente significa que você deve redirecionar sua carreira, buscar qualificação, ampliar sua rede de contatos e se empenhar na captação de novos clientes e no agendamento de atendimentos diários.

Você fecha negócios constantemente?

Aí está um forte indício de que você é um bom corretor, afinal, o maior objetivo de um profissional da área imobiliária, é o fechamento de negócios. Se isso acontece com frequência na sua rotina, certamente você é um bom corretor. Uma boa forma de se assegurar disso, é avaliar as metas estabelecidas e as metas alcançadas, mensurar os ganhos financeiros e a quantidade de atendimentos realizados por você.

A sua carreira tem seguido uma crescente?

Os bons corretores não se acomodam e sempre estão buscando melhores negócios, mais qualificação, posições mais altas e ferramentas tecnológicas que possam ajudá-los no mercado imobiliário! Em outras palavras, a qualidade profissional é capaz de levá-los longe na carreira.

Para saber se você é um bom corretor, avalie suas conquistas como profissional da área imobiliária, volte ao ponto onde começou e avalie até onde você chegou, considerando as promoções que recebeu e os cargos e responsabilidades que te foram confiados. Se você não está estagnado na carreira, possivelmente é um bom corretor.

Seus clientes estão satisfeitos?

Eis um ponto chave que ajudará a determinar se o corretor é bom ou não. Na verdade, não basta ter uma boa carteira de clientes se os consumidores não forem bem atendidos e não ficarem satisfeitos com a compra. Sempre busque o feedback da clientela, ouça as opiniões dos compradores, fortaleça o relacionamento por telefone, e-mail e redes sociais. Se possível, solicite uma avaliação formal.

Para te ajudar nessa tarefa, o  BemDireto disponibiliza uma funcionalidade na qual o corretor pode solicitar que o cliente avalie o atendimento e que seus parceiros o indiquem de acordo com experiências prévias. Desse modo, o profissional passa a ter um histórico centralizado na internet, onde dados sobre a reputação e competência do corretor podem ser consultados.

E aí, o que achou de nossas dicas? Vai adotar essa ferramenta? Comente!

É corretor de imóveis?  Siga por aqui e confira como captar clientes reais e fazer parcerias rentáveis no BemDireto.

Clientes imoveis e parcerias em um só lugar

Artigos relacionados: