Imóveis novos X antigos: saiba como vender cada um deles

Publicado em Geral Tags: ,

Real estate agent giving house keys

Há diversas construções de prédios novos nos principais centros urbanos do país, geralmente com características de maior praticidade e mais compactação, se comparados com os imóveis mais antigos, espaçosos e bem localizados, que eram o padrão até as décadas de 1980 e 1990.

É importante que o agente imobiliário na hora de vender um imóvel, seja ele novo ou usado, entenda adequadamente as necessidades, modos de vida e desejos de seus clientes, a fim de lhe dar as indicações corretas e apresentar o produto que seja mais ajustado ao seu perfil.

E para fazer isso com maestria, o corretor precisa ver com cuidado as distinções que existem entre cada tipo de imóvel. Que tal saber as vantagens e desvantagens de se morar em imóveis novos e naqueles mais antigos?

As vantagens de um imóvel novo

Normalmente, os vastos serviços de lazer que os condomínios novos oferecem são um atrativo e tanto de compra, vindo a facilitar e dar mais conforto a vida de seus moradores. Além disso, são mais organizados para a vida moderna, com soluções de eletricidade, garagem e elevadores mais otimizadas, além de terem maior segurança.

As desvantagens de um imóvel novo

O tamanho de uma unidade imobiliária recentemente construída é reduzido, apresentando as paredes menos espessas e tetos mais baixos, com pé-direito entre 2,20 e 2,50 metros.

Muitas vezes esses apartamentos ficam em bairros mais afastados das concentrações comerciais e de trabalho da cidade, visto que são levantados nas regiões disponíveis do lugar, de modo que os moradores fiquem bastante dependentes do transporte público ou automóvel próprio para se locomover até os principais locais de serviços.

As vantagens de um imóvel antigo

O espaço é um dos pontos altos de um imóvel mais antigo, com salas, quartos e dependências com metragem mais generosa do que as unidades imobiliárias que vêm sendo construídas nos dias de hoje. Seu pé-direito também é mais alto, chegando a três metros de altura, em alguns apartamentos, o que proporciona uma sensação de magnitude. Outra vantagem é que nesses locais em geral as paredes são mais espessas, o que protege melhor o ambiente dos barulhos dos vizinhos e ruídos vindos da rua. É comum ainda que os usados tenham preços menores em comparação com os novos, ainda que sejam mais espaçosos.

As desvantagens de um imóvel antigo

Deve-se levar em conta que um imóvel mais antigo foi preparado para dar vazão às demandas de uma família de outra época, e por isso perde em relação às adaptações tecnológicas. Suas tubulações podem estar gastas e solicitar reformas, haverá certamente menos tomadas para a ligação de aparelhos e eletrodomésticos, além de poucas opções de áreas de lazer, recreação infantil ou esportes.

Sabendo o que seu cliente quer, você vai ser capaz de lhe oferecer o imóvel mais adequado ao seu estilo de vida e rotina.

Por isso vale a pena ter um portfólio de imóveis diversificado, com imóveis novos e usados para atender a este largo espectro de procura. A partir de uma visão generalista, os imóveis novos são ótimas opções para pessoas recém-casadas, solteiras ou que tenham um filho pequeno; já os imóveis antigos são excelentes para quem possui família mais numerosa e fica bastante em casa, como pessoas mais velhas e que costumam receber amigos em casa.

E você, tem vendido mais imóveis novos ou usados nos últimos meses?

Quer captar novos clientes e fechar mais negócios? Confira aqui todas as oportunidades do BemDireto.

Clientes imoveis e parcerias em um só lugar

Artigos relacionados: