KPIs para imobiliárias: entenda a importância

Publicado em Geral Tags:

KPIs para imobiliárias entenda a importância

Não basta investir capital suficiente e colocar todas suas forças em um negócio: é importante que o desempenho de sua atuação seja verificado, a fim de comparar aquilo que foi alcançado com as metas e objetivos que estavam em mente ou no planejamento estratégico antes de dar o pontapé inicial de seu plano de ações. O ramo imobiliário também funciona desse jeito e tem indicadores de desempenho específicos. Você sabe quais são os mais relevantes? Entende qual é a razão para usá-los em seu negócio imobiliário? Leia o artigo e entenda os benefícios de uma gestão baseada em KPIs para imobiliárias:

O que são KPIs?

KPI é a sigla para Key Performance Indicator (ou, em português, Indicadores-Chave de Desempenho). Essas referências são usadas para aferir a performance dos processos dentro de uma empresa e, a partir dessas informações, contribuir para que seus objetivos se mostrem ajustados ou sejam ainda alcançados.

Nesse sentido, eles podem indicar se a estratégia está no caminho certo ou se precisa de mudanças — tudo com base em medidas quantificáveis, por meio de análises organizacionais ou operacionais. Tais métricas podem se resumir à identificação de fraquezas ou à observação de concorrentes, a fim de aprender técnicas novas. Mas, sobretudo, estarão alinhadas ao desempenho interno de dada organização.

Por que os KPIs são importantes para uma imobiliária?

Quem trabalha em uma agência ou empresa imobiliária tem a sorte de estar constantemente nutrido por dados e estatísticas. Esse cenário dá a oportunidade de avaliar bem o desempenho individual dos corretores e a performance do trabalho conquistado pela equipe como um todo.

Essa condição também traz boas informações para aperfeiçoar as ações na imobiliária, permitindo alinhar as condutas e operações com os objetivos corporativos e fazendo com que todos avancem na mesma direção. Isso dá alicerce para futuras estratégias mais certeiras, ajusta os incentivos pelo desempenho pessoal e acomoda melhores feedbacks.

Quais são os principais indicadores a serem observados no setor?

As informações de gestão são fundamentais dentro do setor imobiliário. Além de cumprir uma boa avaliação de cenários, o agente imobiliário deve ficar atento ao TTM (Time to Market), que indica o tempo de lançamento de um produto no mercado. Esse período começa com a idealização e segue até o momento que o imóvel ou conceito imobiliário está disponível para a venda. Já o market share assinala a fatia de mercado que dado produto conseguiu ao longo de determinado período.

No caso específico de uma imobiliária, é possível verificar a produtividade de cada corretor por meio de seunível de comissão ou do número de imóveis negociados por mês, por exemplo. Todavia, dependendo do que o gestor gostaria de saber, cabe investir ainda na análise de dados como:

  • número de propriedades retiradas do comércio sem vender;
  • quantidade de clientes que fazem contato mas não consolidam a transação imobiliária;
  • número de visualizações das ofertas divulgadas on-line e em outros tipos de anúncios;
  • taxa de conversão de contatos em clientes efetivos.

Quando verificar que uma métrica está menor do que o esperado, o gestor da imobiliária ou os próprios corretores serão capazes de saber onde precisam se aperfeiçoar.

E você, faz uso de KPIs para imobiliária? Quais indicadores ajudaram mais seu negócio a crescer? Conte para nós nos comentários!

Clientes imoveis e parcerias em um só lugar

Artigos relacionados: